tipos de aparelhos esteticos invisivel

aparelhos estéticos: tipos e principais diferenças

conheça os aparelhos mais discretos da odontologia para seu sorriso

Na hora de escolher um tratamento ortodôntico, muita gente prioriza a estética do sorriso e foge dos aparelhos convencionais, que oferecem um sorriso metálico. Neste sentido, os tipos de aparelho estéticos estão a todo o vapor nos consultórios de dentistas.

A odontologia já avançou muito, e hoje em dia, existem vários tipos de aparelhos estéticos que não aparecem tanto nos dentes e mantém o sorriso mais harmônico.

Neste artigo, vamos te contar os principais tipos de aparelhos estéticos, que se dividem entre fixos e móveis, e as maiores diferenças entre eles. Fique na leitura para saber mais!

aparelho estético ou metálico?

A grande diferença entre o aparelho estético e o metálico convencional é a cor e material dos bráquetes e fios.

Enquanto o convencional usa metal em sua composição, com uma aparência cinzenta e reluzente, os aparelhos estéticos possuem materiais que imitam a cor do dente, para que fiquem mais discretos, ou então possuem outra estrutura, sem bráquetes.

tipos de aparelhos esteticos

tipos de aparelhos estéticos: aparelho fixo estético

O já conhecido aparelho fixo possui duas versões que ficam disfarçadas no sorriso.

O que muda entre eles e o convencional é o material dos bráquetes, que podem ser de metal, plástico, porcelana ou safira - sendo que os dois últimos são praticamente da cor do dente.

Os aparelhos fixos estéticos também levam um fio de metal da mesma cor dos bráquetes, para melhorar ainda mais a aparência.

Além disso, eles podem ser convencionais, com os bráquetes envoltos por borrachinhas transparentes (que podem manchar com o tempo), ou na versão autoligada, ainda mais discreta e com resultados mais rápidos.

  • Aparelho de safira

Os bráquetes de safira são translúcidos e mais discretos do que os de porcelana.

Eles também são confortáveis na boca, por conta do acabamento do material, mas costumam ser a opção mais cara entre os aparelhos fixos.

Eles tratam todos os tipos de casos ortodônticos, dos simples aos mais complexos.

  • Aparelho de porcelana

A porcelana tem um aspecto leitoso, o que pode deixar os bráquetes mais aparentes.

Se os dentes estiverem um pouco amarelados, esse destaque fica ainda mais acentuado.

O valor, no entanto, costuma ser mais acessível do que o aparelho de safira.

O aparelho de porcelana também trata a maioria dos casos ortodônticos.

Leia mais: Quanto custa um aparelho ortodontico?

tipos de aparelhos estéticos: aparelho lingual

O aparelho lingual é igual ao fixo metálico, mas os bráquetes são colados na parte interna dos dentes, por dentro da boca.

Por isso, ele não aparece no sorriso, dá para ver apenas quando a boca está aberta.

Ele surgiu e se popularizou nos anos 70, entre as celebridades de Hollywood, nos Estados Unidos, que queriam alinhar os dentes de forma discreta, sem usar o aparelho convencional.

A maior desvantagem do aparelho lingual é o desconforto: como os bráquetes ficam em contato com a língua, é comum ter machucados e feridas por conta do aparelho.

tipos de aparelhos estéticos: aparelho invisível

O aparelho transparente é a opção mais estética e discreta de tratamento ortodôntico.

Sem bráquetes e fios de metal, ele consiste em alinhadores transparentes que se encaixam no sorriso, e movimentam os dentes por fases.

É uma alternativa muito confortável, feita sob medida para cada caso.

Por ser o tratamento mais moderno e tecnológico da odontologia, muita gente ainda tem dúvidas de como ele funciona. Vamos te ajudar a entender tudo:

  • Quais casos são tratados

O aparelho invisível pode resolver a maioria dos casos ortodônticos. Aqui na SouSmile, só não tratamos casos cirúrgicos, perda óssea, falta de um dente e desvio severo de linha média.

Conseguimos resolver desde apinhamento e diastema leves, até severos e casos de mordida, com o uso de acessórios no alinhador.

Por isso, os tratamentos duram entre 3 e 18 meses, divididos em três planos diferentes.

  • É mesmo transparente?

Sim! O alinhador é transparente e ao contrário dos outros tipos de aparelhos estéticos, ele fica discreto no sorriso.

A SouSmile trabalha com o poliuretano, matéria-prima considerada padrão ouro na odontologia e por um preço justo.

Ele não reflete brilho e tem maior resistência a manchas, em comparação com o PET-G, material convencional.

tipos de aparelhos esteticos
  • Como eu sei se funciona para mim?

Aqui na SouSmile, tudo começa com a pré-avaliação virtual, uma conversa com nossa equipe de dentistas para entender se o alinhador é indicado para seu sorriso.

Ela não substitui a necessidade dos exames presenciais, que são indispensáveis para confirmar o diagnóstico e iniciar a jornada.

Se aprovado, nossos ortodontistas da central de planejamento programam as movimentações de cada fase, e produzimos os alinhadores em nossa fábrica.

Em jornada, você troca de fase a cada 2 semanas e faz acompanhamentos a cada 1 mês e meio, em um mix de consultas virtuais e presenciais.

cuidados após colocar o aparelho dental

Para quem pretende utilizar um aparelho ortodôntico, essa é uma das dúvidas mais comuns após colocar o aparelho dental. Afinal, muitos hábitos costumam ser aprimorados quando você coloca o aarelho.

Sabendo que a alimentação, de forma geral, é algo fundamental para o bom funcionamento de todo organismo e pela geração de um conteúdo calórico satisfatório, é importante dizer que a gigiene do sorriso e os cuidados com a ingestão de alimentos mais rígidos é tão importante quanto.

Como citamos acima tipos de aparelhos estéticos fixos, separamos uma lista com alguns alimentos que devem ser evitados para esse tipo de tratamento.

A seguir, veja alguns pontos que podem ser importantes para a sua jornada ortodôntica.

alimentos duros e pegajosos

Os alimentos duros necessitam de um tempo maior para serem mastigados e podem gerar deformações na estrutura do aparelho ortodôntico, assim como os alimentos pegajosos. A pressão exercida pelos dentes pode gerar rupturas na fixação do aparelho fixo. São exemplos: castanhas e amêndoas, doces como o pé de moleque,torresmo e carne-seca frita, balas, caramelos, carnes mal passadas, etc. torresmo e carne seca frita: são muito consistentes e requerem manobras

rotina de higiene bucal

Manter a higiene bucal em dia é essencial para garantir uma saúde da qualidade como um todo, alem de auxiliar na manutenção da nossa aparência. Porém, com o uso de aparelhos ortodônticos, estéticos ou não, é preciso dar ainda mais atenção à esse ponto na sua rotina.

Um exemplo desse fato é que apenas a escovação com creme dental à base de flúor pode não ser o suficiente. A higiene bucal precisa ser feita com seriedade, com um número de escovações considerável ao longo do dia, por exemplo. É imprescindível usar o fio dental para realizar a retirada de restos de alimentos acumulados entre os dentes, onde a escova de dentes não alcança.

As medidas podem parecer um pouco complicadas principalmente quando você não costuma cuidar da saúde oral, mas todas essas dicas são a fim de evitar problemas futuros, como o tártaro, inflamações na gengiva e a própria cárie, que pode levar até mesmo a queda dos dentes.

Além disso, a falta de escovação frequente nos indivíduos que usam aparelho pode provocar mal hálito, já que a remoção dos restos de alimentos na boca não está sendo feita com eficiência.

aparecimento de aftas

É comum entre pessoas que fazem o uso de aparelho ortodôntico aparecerem aftas ao longo do caminho. Trata-se de pequenas lesões que aparecem no interior da boca ou na base das gengivas, que pode dar uma sensação de ardência.

As aftas são muito comuns e podem ser bastante inconvenientes, gerando dor e até coceira na região bucal em alguns casos. Uma opção muito interessante e prática é aplicar resina nas aftas.

As resinas nada mais são do que substâncias aplicadas sobre as gengivas para induzir o processo de ressecamento e cicatrização. Outra dica muito válida é evitar ao máximo o consumo de substâncias ácidas ao longo do período.

armazenamento correto do aparelho

A higiene não se restringe somente à escovar os dentes e passar fio dental. O aparelho ortodôntico cada vez que sai da boca é exposto aos mais diversos tipos de germes e bactérias do ambiente. Logo, quando o aparelho é removível, se não é for armazenado corretamente, todos os microrganismos são transportados para o interior da boca, podendo gerar doenças indesejáveis.

No caso do aparelho invisível, um dos seus maiores benefícios é ser super transparente e prático. No entanto, quem for utilizar esse tipo de aparelho precisa ter muita atenção.

É fundamental não deixar o aparelho em superfícies, fora da caixinha. Todo mundo conhece a história de alguém que já perdeu o aparelho embrulhado em um papel, certo? Uma clássica história para quem já usou aparelho removível.

Por isso, tenha bastante cuidado e mantenha seus alinhadores invisíveis dentro da caixinha, pois assim você irá manter não só o aparelho com você, mas também garantir que o seu aparelho está devidamente higienizado para retornar para a sua boca.

principais causas para dentes tortos

As principais causas para dentes tortos ou apinhados são várias, mas normalmente a condição dentária está ligada a características genéticas e hereditárias. Tendo em vista que a genética vai definir o tamanho dos dentes e dos ossos maxilares, é fato que isso pode gerar uma desproporcionalidade entre o tamanho dos dentes e o tamanho dos maxilares, caso não tenha sido passado hereditariamente de forma homogênea.

Até mesmo uma má formação facial também de origem genéticas ou provocadas durante o parto, pode causar esse mau posicionamento dentário ou dentes tortos, apesar de não ser tão comum.

É importante dizer que não é só de base genética a causa do problema com os dentes. Ao chupar o dedo, roer uma tampa de caneta ou topo de um lápis, roer as unhas, excesso de pressão da língua contra os dentes e o uso prolongado da chupeta na infância também podem desalinharos dentes.

Em alguns outros casos, os dentes tortos podem acontecer por causa do dente do siso, pois quando não existe espaço suficiente para a sua erupção, normalmente acontece um pequeno apinhamento nos dentes da frente, por conta dessa a“pressão de erupção” exercida nos outros molares. Vale dizer que o problema tende a acontecer mais na mandibula, ficando os dentes inferiores tortos.

Outro ponto que pode acontecer, porém com menos frequência, são as situações de traumatismo (pancadas e quedas). Já na infância, para quem sofre com dificuldade em respirar pelo nariz e recorre com frequência à respiração pela boca, também pode ter seus maxilares afetados, já que eles estão em crescimento. O fato de só respirar pela boca pode afetar o modo como a mandibula se desenvolve, entortando os dentes.

Além de todos os motivos acima, existe ainda aquele que se refere a falta ou perda de um ou mais dentes. Se você tem problemas de oclusão entre os maxilares e não dá uma devida atenção ao problema, é provavel ainda que você tenha uma movimentação indesejada dos dentes ao longo da vida, fazendo-os ficarem tortos.

Leia mais:

Como escovar os dentes com aparelho

Quanto custa para tirar o aparelho dos dentes?

aparelho transparente como funciona

agende sua pré-avaliação

e descubra se o aparelho invisível é indicado para seu sorriso - não substitui a necessidade de fazer a avaliação presencial!